Trains 10170

Secção para interagir (informações, troca de ideias, etc...) com o LEGO Ambassador que representa a PLUG, junto da LEGO.
Avatar do Utilizador
Ribatagus
Sócio
Sócio
Mensagens: 3554
Registado: 21 jun 2006, 11:00
Localização: Vale de Santarém
Contacto:

Re: Trains 10170

Mensagem por Ribatagus » 21 mar 2012, 13:19

Para mim, este tipo de conjunto tem o mesmo sentido dos "battlepacks" para os StarWars, ou outro tipo de conjuntos complementares, para o efeito. Não são sets que despertem o interesse a não ser para quem já é interessado no assunto e, acima de tudo, para quem (ainda) não tem outro LEGO para o acompanhar!

A minha opinião é simples e directa: este tipo de conjuntos serve os propósitos dos coleccionadores do tipo LUG (adultos, entusiastas, que gostam de fazer coisas grandes de preferência em conjunto com outros), não são propriamente para o miúdo que os vê na prateleira...

...Se a LEGO quer (e deve) aproveitar este nicho de mercado, para o bem dos consumidores e da própria LEGO, já estava na altura de fazer uma linha que eu poderia chamar "LEGO-BULK" com as seguintes características:
- sets em caixa simples (não precisam de ter todos os requintes de um "set" normal)
- sem os ridículos espaços vazios (que só servem para o efeito "UAU" das prateleiras, para crianças)
- Dispensando até as instruções em papel  (descarregáveis em PDF do site)
- Podendo até ser vendidos apenas em "pacotes" de N caixas de uma vez

Nesta "linha" de sets, incluiria-se: carruagens para comboios; pessoas da cidade; claques desportivas; staff de polícia, "troupe" de soldados (como nos anos 80, os sets 6103 ou nos anos 90 o 6252 ou 5060), etc... todos os conjuntos que não têm interesse prático de comprar "um" mas sim "vários"...

Os conjuntos LEGO costumam sempre pecar por "falta de conteúdo", por muito bem que estejam construídos. A título de exemplo, um dos últimos que construí - 7094 - tem 10 figuras apenas... claro que dá vontade de completar isto com outros conjuntos, mas sem ser preciso comprar outro castelo! Era aí que este tipo de sets preencheria o "vazio"!

...Que outros sets poderia a LEGO aproveitar? Para mim é óbvio: a melhor "bitola" é mesmo o Bricklink...
o Bricklink poderia e DEVIA ser uma boa ferramenta de estudo para a própria LEGO entender como "vive" o mercado de interesse dos coleccionadores, podendo aproveitar as informações facilmente retiradas deste para considerar o caminho a tomar para este nicho de mercado dos coleccionadores sérios. Assim, nem os coleccionadores conseguem ter as suas colecções como desejariam, nem a LEGO aproveita todo o seu potencial!
Cumprimentos LEG-AIS!!! :D
-------
Vasco Serranho
Sócio nº 20 da PLUG - ex-Administrador do Fórum
BRICKSHELF

Avatar do Utilizador
Conchas
Direcção
Direcção
Mensagens: 15146
Registado: 26 jan 2007, 15:20
Localização: Feijó (Almada)
Contacto:

Re: Trains 10170

Mensagem por Conchas » 21 mar 2012, 14:08

Apesar da proposta parecer interessante à primeira vista, não me parece que seja uma opção mais económica, nem que gere mais vendas ou as suficientes para se tornar económicamente viável à diversificação na apresentação do produto..

Talvez por isso não seja o caminho que a LEGO tem escolhido. :-\
FCorreia
We are working to build a better :plug:
LEGO Fan, a lifelong experience - Play Well (Leg Godt)

Sanjoanense Imagem 2019    3-5.Mai

Avatar do Utilizador
Ribatagus
Sócio
Sócio
Mensagens: 3554
Registado: 21 jun 2006, 11:00
Localização: Vale de Santarém
Contacto:

Re: Trains 10170

Mensagem por Ribatagus » 21 mar 2012, 21:25

[quote="Conchas"]
Apesar da proposta parecer interessante à primeira vista, não me parece que seja uma opção mais económica, nem que gere mais vendas ou as suficientes para se tornar económicamente viável à diversificação na apresentação do produto..

Talvez por isso não seja o caminho que a LEGO tem escolhido. :-\
[/quote]

O trabalho dos AFOLs que querem este tipo de produto são a melhor forma de publicidade que a LEGO pode ter, são as exposições, trabalhos divulgados, exibições e outros eventos organizados por estes que fazem o marketing mais directo, eficaz e eficiente que a LEGO pode fazer... o mínimo que a LEGO pode (e devia) fazer é facilitar-nos o trabalho de as construir! (e passar a distinguir as LUGs de vendedores comuns...)

...a LEGO ganha na venda desses produtos, naquilo que fazemos com ele, e com as vendas resultantes daqueles que vêem aquilo que fazemos!
Cumprimentos LEG-AIS!!! :D
-------
Vasco Serranho
Sócio nº 20 da PLUG - ex-Administrador do Fórum
BRICKSHELF

jedu
Sócio
Sócio
Mensagens: 382
Registado: 11 set 2011, 12:01

Re: Trains 10170

Mensagem por jedu » 22 mar 2012, 00:05

Mais importante que o marketing directo existe a máxima da oferta e da procura.

Penso que a Lego não inunda o mercado com produtos bulk e afins porque isso apenas desvalorizava a marca.

É disso exemplo, a não reedição de sets que garantidamente iam voltar a vender, mas, ao fazer isto, retirava valor de mercado a quem os comprou e a própria marca deixava de ter produtos aliciantes para os seus coleccionadores.

Para quem faz as suas próprias construções existem sempre mercados alternativos onde podem encontrar as suas peças, com maior ou menor dificuldade.

Penso que é uma estratégia pensada da Lego assim como, por exemplo, da Ferrari ao não aumentar a produção de automoveis, se por um lado vendia mais...por outro lado daqui a algum tempo era uma marca vulgar e não um culto.

Avatar do Utilizador
Ribatagus
Sócio
Sócio
Mensagens: 3554
Registado: 21 jun 2006, 11:00
Localização: Vale de Santarém
Contacto:

Re: Trains 10170

Mensagem por Ribatagus » 22 mar 2012, 23:20

jedu Escreveu: Mais importante que o marketing directo existe a máxima da oferta e da procura.

Penso que a Lego não inunda o mercado com produtos bulk e afins porque isso apenas desvalorizava a marca.
Um assombroso erro... a universalidade e disponibilidade do brinquedo só aumenta o entusiasmo pela marca... o que se vê nas "lojas das exposições" é os jovens irem cabisbaixos e aborrecidos e os pais meio embaraçados porque não conseguem pagar um LEGO por mais pequeno que seja, ou então de "grandes coisas" levam "uma mão-cheia de peças"... que por sua vez desmotivam e afastam os clientes. "só" apontar aos ricos nunca deu certo, foi o que a Lionel (miniaturas de comboios fez) e desapareceu num instante... essa e outras! Ganharam muito no curto-prazo, mas perderam a fidelidade e a regularidade dos clientes... que foram passando para os outros brinquedos!
"ah e tal, mas a LEGO é intemporal, vai perdurar"... a mesma frase se disse da tal Lionel, e de tantas outras!
É disso exemplo, a não reedição de sets que garantidamente iam voltar a vender, mas, ao fazer isto, retirava valor de mercado a quem os comprou e a própria marca deixava de ter produtos aliciantes para os seus coleccionadores.

Para quem faz as suas próprias construções existem sempre mercados alternativos onde podem encontrar as suas peças, com maior ou menor dificuldade.

Penso que é uma estratégia pensada da Lego assim como, por exemplo, da Ferrari ao não aumentar a produção de automoveis, se por um lado vendia mais...por outro lado daqui a algum tempo era uma marca vulgar e não um culto.
a Ferrari funciona para um nicho de mercado exclusivo para os obscenamente e absurdamente RICOS...
nada tem a haver com a clientela LEGO, que pretende ser um brinquedo universal...

Um set antigo não desvaloriza porque existe uma reedição, basta ver os exemplos "Legends" que a LEGO teve, ou os que tiveram a reedição... Quem arranjou os "originiais", mantém-nos com o mesmo valor! E os coleccionadores? Compraram os dois!!!! A LEGO resolve isto muito bem: muda o código numérico do SET, chega para distinguir o original do outro! Ou então, basta usar a "palete actual de cores" que vai mudando de ano para ano! Para um coleccionador, esses são os detalhes que importam... para o "consumidor", é LEGO!
Cumprimentos LEG-AIS!!! :D
-------
Vasco Serranho
Sócio nº 20 da PLUG - ex-Administrador do Fórum
BRICKSHELF

jedu
Sócio
Sócio
Mensagens: 382
Registado: 11 set 2011, 12:01

Re: Trains 10170

Mensagem por jedu » 26 mar 2012, 20:02

Exatamente. Em poucas palavras foi dito uma grande verdade. Para o consumidor é apenas lego. Para o colecionador compra sempre. Qual o ratio consumidor/coleccionador??? Presumo que não seja o mesmo....digo eu. Depois se ha marca que sabe fazer bom mkt é à lego e se tem essa filosofia eles lá sabem e parece-me que não dá maus resultados...
Comparar então a lego ao Lionel parece-me tão descabido como comparar a Lego à Ferrari, mas isto é um pouco como o ovo e a galinha...

Avatar do Utilizador
Super Pinga
Hero Member
Hero Member
Mensagens: 1066
Registado: 26 jul 2006, 23:37

Re: Trains 10170

Mensagem por Super Pinga » 05 abr 2012, 22:43

A Ferrari pode-se dar ao luxo de só vender aos podres de rico porque faz parte do grupo FIAT, que tem carros para todas as bolsas, e faz o grosso das vendas com as marcas "baratas".
A Lego näo tem isso, e como tal se continua só a vender coisas que só os abastados possam comprar, pifa como as outras (bom exemplo esse da Lionel).

[quote="jedu"]Depois se ha marca que sabe fazer bom mkt é à lego [/quote]
Por isso é que esteve à beira da falência... e saiu de lá foi com a ajuda da série Legends e séries como as dos comboios 10170.
Como a Apple, que também em 1999 ia falindo mas entretanto recuperou.
Veremos (para a Lego e para a Apple) se o que as safou foi bom marketing, ou o aparecimento do "crédito fácil" na Europa, que desde 2008 anda a mingar, e entretanto parece que acabou.

jedu
Sócio
Sócio
Mensagens: 382
Registado: 11 set 2011, 12:01

Re: Trains 10170

Mensagem por jedu » 05 abr 2012, 22:55

Pois, se foi o bom marketing então eles devem saber bem quais os segmentos de mercado a explorar e a investir e que determinados produtos sendo atractivos não vendem o suficiente.

O exemplo do Lionel vale o que vale..se tivesse ido para o barato, estilo chinês, se calhar também tinha falido.

Já agora na minha opinião além de questões estratégicas mais que o crédito ao consumo, pois não vejo as pessoas a usarem cartões de crédito para comprar legos (só alguns malucos de nós) foi mais uma aposta em determinados produtos tais como os SW e outros que muitos de vocês sabem melhor que eu.

Avatar do Utilizador
PocasNuckie
Sócio
Sócio
Mensagens: 7716
Registado: 10 mar 2007, 19:12
Localização: Miranda do Corvo
Contacto:

Re: Trains 10170

Mensagem por PocasNuckie » 05 abr 2012, 23:06

Comboio para mim só o que passava aqui atrás de minha casa, mas até esse foi embora.

Pocas
Imagem

jedu
Sócio
Sócio
Mensagens: 382
Registado: 11 set 2011, 12:01

Re: Trains 10170

Mensagem por jedu » 05 abr 2012, 23:50

É um homem de SW e está tudo dito :-)

spacemarine
Sócio
Sócio
Mensagens: 2513
Registado: 25 set 2006, 21:35

Re: Trains 10170

Mensagem por spacemarine » 10 abr 2012, 01:03

Então  ??? As contribuições para esta discussão já tiveram um fine???
Ninguém quer opinar mais nada sobre sets contendo máquinas alone de comboio, ou carruagens/vagões ??

Avatar do Utilizador
AVCampos
Sócio
Sócio
Mensagens: 12952
Registado: 27 fev 2007, 19:26
Localização: Barreiro
Contacto:

Re: Trains 10170

Mensagem por AVCampos » 10 abr 2012, 09:34

Em tempos houve o tema My Own Train, que consistia exactamente em locomotivas, carruagens e vagões isolados. Não sei o que levou a que acabasse; pode ter interesse saber o porquê, pois isso pode ter influência no eventual tema que se está a discutir.

Avatar do Utilizador
mmp029
Sr. Member
Sr. Member
Mensagens: 489
Registado: 15 dez 2008, 17:20
Localização: Seixal
Contacto:

Re: Trains 10170

Mensagem por mmp029 » 10 abr 2012, 15:57

Este genero de set, passa-me um pouco ao lado!

Como já foi dito algures atrás no tópico, este genero de set só interessa aos AFOL's que tenham esse tema de eleição!

Pois para mim, embora goste bastante de Trains, mas como não ando por esses temas, se fosse para comprar um set desse tema, teria que ser um set completo(maquina+carruagens) e não apenas 1 carruagem!

Mas, no entanto noto que a LEGO, tem estado a deixar um pouco de lado os AFOL's, em termos de set's mais virados para nós! :notcool:

Responder